Edital de licitação de São Paulo deve ser publicado na semana que vem

ônibus

Ônibus da Sambaíba, grupo de Belarmino de Ascenção Mara deve permanecer em São Paulo, a exemplo de Ruas e Saraiva. Edital de licitação deve ser publicado na próxima semana. Foto: Adamo Bazani.

Edital de licitação de São Paulo deve ser publicado na próxima semana
Declaração é do Secretário de Transportes, Jilmar Tatto. Modelo vai dividir os serviços das empresas em três grandes lotes
ADAMO BAZANI – CBN
O Secretário Municipal de Transportes de São Paulo, Jilmar Tatto, garantiu nesta quarta-feira, di 29 de maio, que o editais de licitação dos serviços de empresas de ônibus e de cooperativas na Capital Paulista devem ser publicados na próxima semana, com atraso, já que a previsão inicial era para abril.
A licitação deve envolver negócios na ordem de R$ 90 bilhões. Para as empresas de ônibus, o prazo de concessão chega a 15 anos (dez renováveis por mais cinco) e para as permissionárias, no caso as cooperativas com vans e miniônibus, os contratos serão de 10 anos (sete renováveis por mais três).
Há dois modelos diferentes para a concessão (empresas) e permissão (cooperativas). Por tanto, são duas licitações.
No modelo de concessão, a tendência é de concentrar ainda mais os serviços de transportes nas mãos de poucos grupos de empresas de ônibus. Hoje são oito áreas operacionais na cidade de São Paulo. Elas devem ser reunidas em apenas três SPEs -Sociedades de Propósito Específico. Cada SPE pode reunir um número ilimitado de empresas, mas elas devem ser comandadas pelos atuais grandes grupos operadores, como o de Belarmino de Ascenção Marta, controlador de companhias de ônibus como Sambaíba, e José Ruas Vaz, que detém participação nas diversas unidades da VIP – Viação Itaim Paulista, Viação Campo Belo, Viação Cidade Dutra e Viasul.
Outros grupos também devem permanecer, como da VIM/MobiBrasil, antiga Paratodos, da família da empresária de Recife, Niege Chaves, e da Viação Santa Brígida, da família Saraiva, a mesma que controla parte dos transportes em Osasco e região. Empresas como Viação Gato Preto e Oak Tree, de uma divisão da família Gatti, e TUPI – Transportes Urbanos Piratininga, da família Pavani vão lutar para permanecer, se associando às SPEs.
De acordo com fontes do setor, as três SPEs mais prováveis serão comandadas por José Ruas Vaz, Belarmino de Ascenção Marta e a família Saraiva. Quem quiser continuar, se associaria a eles, o que já não é tão diferente hoje com os oito consórcios.
A licitação é aberta para grupos de outros estados, mas nenhuma empresa ainda mostrou interesse declarado, ou por questão estratégica ou por saber que é difícil peitar a alta concentração dos transportes em São Paulo.
Uma empresa paranaense, Leblon Transporte, de Haroldo Isaak e Ronaldo Iaask, tentou enfrentar o monopólio de um grupo bem menor que os da cidade de São Paulo, o grupo de Ronan Maria Pinto e Baltazar José de Sousa, no ABC Paulista, e sofre pressões até mesmo por parte da prefeitura de Mauá, sob comando de Donisete Braga, do PT. Há suspeita de os empresários de transportes na região do ABC receberem todo o apoio destes donos de viações mais antigas à viações mais novas. Esse grupo foi retirado a Capital Paulista por má prestação de serviços com empresas como Transleste e Viação São Camilo. Embora que nos bastidores, a informação é que, mesmo negando, o grupo de Constantino de Oliveira, da família fundadora da Gol linhas aéreas e que possui empresas em todo o País, ainda dá um apoio velado ao grupo de Baltazar José de Sousa (foragido com ordem de prisão decretada por dever mais de R$ 253 milhões à União) e de Ronan Maria Pinto, que foi investigado como articulador entre empresas de ônibus e o PT no episódio do assassinato do Prefeito de Santo André, Celso Daniel, em janeiro de 2002. Ronan nega qualquer envolvimento e esquema de propina entre empresas de ônibus e a Prefeitura de Santo André para alimentar os cofres do PT Nacional, capitaneado no País por José Dirceu, José Genoíno e Gilberto Carvalho. O empresário, que é dono do jornal Diário do Grande ABC, periódico local com sede em Santo André, diz que foi vítima de mentira de perseguidores. A polícia civil concluiu por duas vezes que a morte de Celso Daniel foi crime comum e o Ministério Público Estadual tem a convicção de que houve crime político e que havia esquema ilegal entre as empresas de ônibus e a empresa de coleta de lixo Rotedali, de Ronan Maria Pinto.
Pelo braço de Niege na MobiBrasil, o setor diz que Ronan tenta o reingresso em São Paulo, o que não é confirmado pelo grupo do ABC Paulista.
Assim, a estrutura empresarial na Capital Paulista deve mudar muito pouco com a nova licitação dos transportes.
Já com as cooperativas, o número de contratos deve aumentar para onze, de acordo com a atual quantidade de garagens, como disse Jilmar Tatto no início do ano, durante a apresentação das propostas de licitação em audiência pública. Na prática, então, as mesmas cooperativas e grupos devem continuar. Afinal, não poderiam surgir novas garagens e novas cooperativas? Teoricamente sim, mas na prática pouco provável.
Fato inegável é que, antes mesmo de ser secretário de transportes na gestão de Marta Suplicy, Jilmar Tatto tinha um ótimo trânsito entre os operadores autônimos, muitos que começaram como clandestinos e se tornaram cooperativas e que sempre apoiaram politicamente a família de Tatto. Isso nem os cooperados negam.
O que é controversa é a suposta relação de algumas destas cooperativas (nem todas) como grupos ligados ao crime organizado, como o PCC – Primeiro Comando da Capital, o que foi alvo, porém sem muitos avanços, de investigações por parte da Polícia Civil e do Ministério Público.
Fato é que a relação entre cooperativas e crime organizado abriga muita lenda, mas também tem muitos fatos verídicos.
No entanto, apesar de o número de contratos com cooperativas aumentar, a quantidade de cooperados deve diminuir. Isso porque muitas linhas de vans e micro-ônibus que hoje vão ao centro da cidade serão extintas ou encurtadas até extremidades de corredores, linhas centrais e terminais de bairro, cujos serviços de alta demanda serão operados exclusivamente para as empresas de ônibus.
E PARA O PASSAGEIRO?
Apesar de permanecer com pouco poder de fogo diante de grandes grupos empresariais de ônibus, a Prefeitura diz que a licitação dos transportes vai trazer melhorias aos passageiros.
GPS E CENTRAL DE INFORMAÇÃO:
Todos os ônibus ou vans só poderão ir às ruas com o GPS ligado e a criação de um sistema unificado de dados entre a gerenciadora de transportes, SPTrans, e a gerenciadora do trânsito, CET, deve ajudar a melhorar a programação de viagens, escalas e permitir intervenções rápidas em casos como manifestações, obras, alagamentos e acidentes, com alterações emergenciais de horários e itinerários.
ÔNIBUS 24 HORAS:
Jilmar Tatto promete criar mais linhas de ônibus 24 horas, inclusive linhas que possam ser alternativas ao metrô que não opera neste período. A implantação destas linhas deve ser gradual.
TECNOLOGIA:
As empresas de ônibus terão de investir em sistemas de GPS mais modernos, câmeras de monitoramento e nos validadores das catracas, que possam ter a tecnologia de biometria (reconhecimento de digital) e operem o Bilhete Único Mensal – BUM, que dará a possibilidade de os passageiros pagando um valor fixo por mês, usarem quantos ônibus forem necessários.
REMUNERAÇÃO:
Hoje a remuneração das empresas de ônibus é feita com base nos passageiros transportados, havendo a necessidade de subsídios, que este ano, com a tarifa em R$ 3,20 (aumento inferior à inflação) e a implantação do Bilhete Único Mensal deve chegar a R$ 1,25 bilhão, recorde histórico. O número de passageiros transportados e os subsídios ainda entrarão no cálculo de remuneração, mas deve haver outros critérios, como o cumprimento de indicadores de qualidade e satisfação pelo passageiro. Empresas que operam em corredores exclusivos, cujos custos têm menos variações por não enfrentarem tanto trânsito e rodarem em pavimentos de melhor quantidade levando basicamente a mesma quantidade de passageiros, podem ter remunerações mensais fixas, como se fosse um salário, desde que mantenham a mesma quantidade de frota em operação.
CORREDORES DE ÔNIBUS:
Para a gestão de Fernando Haddad, a prefeitura promete a construção de 150 quilômetros de corredores exclusivos de ônibus e mais 150 quilômetros de faixas preferenciais. Como estes espaços priorizam linhas de maior demanda, podem evitar sobreposições de linhas conjugadas com terminais de bairro e influenciam na velocidade comercial e custos das empresas, os corredores e faixas serão levados em conta no novo edital.
Tatto promete que com as informações obtidas pelas novas tecnologias que darão subsídios a planejamentos, será criada uma “operação assistida” nos corredores de ônibus para que eles tenham a mesma eficiência do metrô.
A velocidade será pré-determinada, haverá previsão de saídas e chegadas aos pontos, as estações terão o pré-embarque (pagamento da passagem antes da entrada no ônibus) e a velocidade média dos ônibus deve subir para 25 km/h, promete Tatto, que ainda diz que os intervalos entre um ônibus e outro de uma mesma linha, nos corredores podem ser em média de três minutos nos horários de pico.
Diminuição das interferências nos corredores de ônibus, como invasões de carros e motos, e reprogramação de semáforos, dando preferência ao transporte coletivo nos cruzamentos, estão entre os planos.
Adamo Bazani, jornalista da Rádio CBN, especializado em transportes

Esse post foi publicado em Notícia e marcado , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

21 respostas para Edital de licitação de São Paulo deve ser publicado na semana que vem

  1. Carlos Henrique disse:

    Foi citada a Viação Itaim Paulista (VIP) como sendo de propriedade de José Ruas Vaz, quando na verdade a mesma pertence à família Abreu. O Ruas é sim sócio da VIP porém suas ações no Grupo são minoritárias. Deveria ter citado a VCD, essa sim pertence integralmente ao Ruas.

  2. Marcos disse:

    Pode ser que eu esteja parado no tempo , mas nos anos 70 o transporte público era bem melhor , hoje com a prefeitura querendo controlar tudo está cada vez mais ruim os serviços , quanto ao transporte de Mauá , eu gostaria de saber porque os ptralhas protegem tanto a outra transportadora que já está aqui a mais de trinta anos e nunca prestaram um serviço com um mínimo de qualidade.

  3. jeane nunes disse:

    Adamo e a etc novo horizonte s/a atual etc itaquera brasil s/a o que sera que gilmar secretario dos transportes ira fazer com ela?

  4. Paulo Gil disse:

    Amigos, boa tarde.

    Depois da forte emoção do post sobre os 50 anos da Turismo Santa Rita, o Adamo fez outra surpresa com essa matéria incrível.

    Além de ser este um comentário também especial, ele será cheio de pedidos e observações os quais peço aos demais comentaristas deste Blog, que não deixem de colaborar para que consigamos que os pedidos e observações sejam atendidos para o nosso próprio uso, vamos lá:

    1) PREVISÍVEL!

    Mais conclusões previsíveis do Especialista em Conclusões Previsíveis – Paulo Gil.

    1.1) Esta licitação está sendo realizada no momento errado e na hora errada.
    Primeiro se reestrutura o sistema do Buzão de Sampa, depois se licita a infraestrutura dos corredores e terminais do Buzão, ai sim, depois se licita o Buzão;

    1.2) Se concluída, essa licitação de Sociedade de Propósito Específico – SPE, o sistema de Buzão de Sampa será Inadministrável (parafraseando o ex Ministro Magri), pois sua administração e operacionalização na prática, será complicadíssima, mais precisamente dizendo, impossível.

    1.3) Esta licitação baterá recordes de recursos e mandados de segurança;

    1.4) Esta licitação está dirigida antes mesmo da publicação do Edital, tese esta a qual será utilizada em vários recursos;

    1.5) Esta licitação é uma pérola jurídica;

    1.6) Gato Preto, Oak Tree e Tupi não ficaram de fora desse banquete de filet não, aguardem, eles nem irão lutar como consta no post, eles já são parte integrante;

    1,7) Grandes grupos irão fazer grandes surpresas, aguardem.

    Tudo previsível e antecipadamente, estas conclusões previsíveis do Paulo Gil entrarão para a história do Buzão de Sampa; um dia serei lembrado.

    2) Preliminarmente quero dizer que esta licitação dá uma tese de pós doc em Direito Público e de Licitações .Face ao teor do Edital, as ocorrências que irão acontecer a partir da publicação do memso até a publicação do resultado final, ou melhor até a assinatura dos contratos, serão inúmeras e de todos os tipos.

    Cabe aqui uma observação, que o Edital ainda nem foi publicado, mas nem precisa pois todos os itens supra são previsíveis

    3) Adamo e comentaristas, não esqueçamos de inserir no Blog o link com o Edital na íntegra;

    4) Este Edital eu quero ler com “olho de santo” letra por letra;

    5) Onde está o CADE – Conselho Administrativo de Defesa Econômica, para controlar ou coibir esse oligopólio explicito, o CADE se preocupa com marca de pasta de dente e faz vista grossa nesse oligopólio GIGANTE e institucionalizado pelo próprio Pode Público;

    6) Por que esta licitação não é de âmbito internacional ? O que impede ?

    7) Como se pode privilegiar os atuais grupos que prestam um péssimo serviço ?

    8) E a limpeza interna foi contemplada ?

    9) O índice de qualidade que será avaliado pelos passageiros será publico igual ao impostômetro .

    Adamo, sugiro você criar um apêndice do Blog, só para concentrar a “LicitaBuzãoSampaSPE-2013″ (pode até ser este o nome do apêndice do Blog), pois você vai ter muiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiito trabalho, ai também ficará mais prático para todos nós, bem como já se construirá e constituirá um documento de alto valor histórico para o Buzão de Sampa.

    Preparem-se, com o novo sistema do Buzão de Sampa, nós os passageiros teremos um novo e moderno sistema de conforto no Buzão:

    ” BONECO´s CONFORT SHIFT SIFÚ”

    Boaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa viagemmmmmmmmmmmmmmmmmm

    Att,

    Paulo Gil

    • Obrigado Paulo Gil pelo comentário elaborado e agradeço aos demais amigos que comentaram também. Realmente há muitos pontos que precisam ser esclarecidos melhor.
      Acho que devemos enxugar e desburocratizar as relações entre empresas e poder público, mas dividir um sistema de 15 mil ônibus, que transportou 2 bilhões 916 milhões de viagens no ano passado em três SPEs e 11 cooperativas é muito concentrador. Imagine o quanto poder terão estas SPEs e o quanto poderão ocorrer irregularidades financeiras em estruturas tão grandes. SPEs vão reunir pessoas jurídicas. Assim, quem garante que uma empresa lavandeira, como foi por um bom tempo a Happy Play Tour, não pode fazer parte dessa SPE?
      É uma matéria para os amigos refletirem.
      Não sei se algum grupo de fora de São Paulo virá peitar a atual estrutura.
      Abraços e os demais leitores nos ajudem a refletir mais sobre esta licitação coim comentários, observações, correções e críticas respeitosas, enfim, vamos ao debate, pois várias pessoas envolvidas neste processo leem este espaço.
      Abraços
      Adamo Bazani.

      • Paulo Gil disse:

        Adamo, boa noite.

        Eu é quem agradeço o espaço do Blog, o qual permite que eu exponha minhas ideias e as publicam, juntamente com minhas Conclusões Previsíveis.

        Como sempre digo, o que falta é a FAZEDORIA, só isso; mas desde que com bom senso,
        só que bom senso, nenhuma Universidade do planeta ensina.

        Legal a convocação que você fez para mais debates e reflexões.

        Afinal, muitas cabeças pensam mais que uma.

        Lembrem-se:

        INOVAR É FAZER DIFERENTE.

        Mas fazer diferente não é fazer de forma errada.

        Não percam; em breve poderemos escolher qual empresa de Buzão iremos utilizar para nos deslocarmos por Sampa: SPE-1 ou SPE-2 ou SPE-3.

        Nossa que fartura, já estou confuso com tanta opções.

        Qual delas será que tem a melhor qualidade de limpeza interna do Buzão ?

        Xiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii, resposta Previsível.

        Nenhuma.

        Mas uma coisa é certa, todas possuem o moderno,ultra, mega, hiper, “bluster” e consagrado sistema de conforto ao passageiro.

        ” BUNECO´s CONFORT SHIFT SÍFU ”

        Forte abraço.

        Paulo Gil

  5. Roberto SP disse:

    Depois do que o Paulo apontou e observou no seu comentário fica bem mais fácil também entender essa licitação, mas um coisa é certa o oligóplio desses grupos será gigatesco, isso me fez lembrar algumas aulas de economia que tive na qual o professor explicou que havia leis claras contra qualquer tipo de oligopólios, monopólios em setores estratégicos da economia, mas creio que essa formulação ja esteja ultrapassada, afinal a economia mudou muito com a globalização. Uma coisa é certa vamos aguardar pra ver no que vai dar isso

  6. Agnaldo disse:

    E o CL4 continua sem mexer que palhaçada …….. Gato Preto fora ??? Nãoooooooo……….

  7. Luizinho disse:

    Creio que pouca coisa vai mudar, a não ser dar mais poder aos grandes empresários que já tem. é perigoso isso porque uma vez que ganham mais poderes, mais influencia ganham nas decisões, podendo até bater de frente com a prefeitura. E empresas menores como a TUPI e Oak Tee, que tem dependência financeira da Sptrans de 100% sobre o faturamento dessas, e não conseguir uma fatia dessas SPEs, então irão a falência é isso?

  8. jair disse:

    Adamo e amigos
    Parabéns por mais esta bela matéria e principalmente pela coragem de expor a realidade dos acontecimentos vergonhosos de nosso transporte público.
    Concordo plenamente com voce e com os comentários do Paulo Gil, pois, a monopolização que ocorrerá com a divisão proposta em apenas 3 áreas já é previsivel. Linhas boas e rentaveis razoavelmente atendidas e o resto abandonado.
    Bom era o tempo que o serviço era administrado pela CMTC: Tinhamos 78 empresas disputando os passageiros, brigando entre sí (no bom sentido) oferecendo quantidade e qualidade na disputa de cada itinerário principal, com desdobramento positivo para as áreas de seus pontos finais.
    A proposta da divisão atual já apresenta pouca eficiência, pois, as linhas tem dono e eles acabam fazendo o que querem. Que eu saiba só a linha 8700 terminal Campo Limpo/Praça Ramos é atendida por duas empresas, porém, do mesmo consorcio (Transpass/Gato), o que não significa concorrência entre elas (também não sei a razão do atendimento ser feito dessa forma).
    Então, acho que TEM GATO NA TUBA, expressão usada antigamente para dizer dos atos duvidosos aplicados contra o próximo.
    Vamos aguardar o Edital para descobrir as MARACUTÁIAS
    Abs

    • Paulo Gil disse:

      Jair, boa noite.

      A razão desse atendimento, ou melhor divisão, 50-T / 50-G; é a Pizza , digo o FILET dividido meio a meio, com previsão futurista (SPE).

      A 8012 e a 8022 quando começou era 100 – T, rapidinho passou a ser 50-T / 50-G .

      Mais uma Previsível.

      E o gato não está só na tuba nãooooooooooooooooooo.

      Att,

      Paulo Gil

    • Ygudu disse:

      A divisão é feita entre Gato Preto / Transppass porque a demanda é alta demais para uma só… a única empresa em São Paulo que aguentaria essa linha é a VCB

  9. Robson disse:

    Caro Adamo, vejo o Grupo Ruas em sua renovação com os UDa´s a toda e vejo o Belarmino, muito quieto, até suspeitei que ele não entraria mais na brincadeira, ainda mais agora investido no Norte do País. Mas como você diz na matéria que ele deve comandar um dos três lotes, vejo sua renovação totalmente parada, pois sua ultima renovação foi a dois anos com a vinda dos 300 onibus para a Sambaíba. Tenho receio, na verdade a confirmação que o Ruas terá mais poder ainda, o que pode ser prejudicial ao transporte da capital, embora ele seja um grande empresário, ficar na mão de um só ou de dois no máximo trÊs a comandarem mais de 10,000 onibus, na hora que eles quiserem param a Capital. Um grande abraço e parabéns pela matéria.

    • Paulo Gil disse:

      Robson, boa noite.

      Fica traaaaaaaaaaaaannnnnnquilo.

      Para nada.
      Buzão em Sampa é melhor que negócio da China.

      Monopólio, oligopólio, cliente não falta nunca, pagamento a vista e antecipado.

      Logo logo, 24 horas no ar faturando no mesmo trajeto das linhas do metrô.

      Ahhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhh molezinha.

      Mas nem a Auto Viação Poeirinha Ltda. pararia, imagina os TUBAS.

      Para NUNCA.

      $ó para no ponto pra dar mai$ uma faturadinha;

      Abçs,

      Paulo Gil

  10. PODER somente para três grandes grupos; de Monopólio à Oligopólio. VERGONHA, VERGONHA e VERGONHA. De uma certa e explícida forma, uma DITADURA no transporte. Cadê a ética do PT? O PT não é um partido do Povo? Eles pregam o SOCIALISMO, mais na verdade está mais para uma DITADURA. Eu defendo totalmente que vários empresários tenham uma concorrência leal e sadia como era no passado. O transporte não vai melhorar em nada, pontos mau conservados, ruas emburacadas, populaçao demais, ônibus de menos. Cadê o Ministério Público. Cada vez mais, tenho NOJO de ser Paulista, Paulistano e Brasileiro. É nessa hora que me lembro das músicas Perfeição e Que pais é este do Grande Poeta Renato Russo, e das músicas Brasil e O tempo não para do Cazuza. Aproveitando a deixa, já considero um ABSURDO a Metra mandar sozinha o corredor ABD, quem dirá o Ruas, Berlamino e Saraiva, mandar no Transporte na maior Cidade do Brasil, da América Latina. Minha revolta, decepção e repúdio à esse Jilmar Tatto, Fernando Haddad e Geraldo Alckmin. Queria poder jogar o título de Eleitor na lata do lixo. Nosso voto é sempre um LIXO, um LIXO e um LIXO!!! PQP, é F…

    • JOSÉ LUIZ VILLAR COEDO disse:

      Concordo! Mas sem
      esse documento inutil e imprestavel, não podemos nem pensar em entrar pra um serviço público, mesmo passando por todas as etapas de seleção e provas… E até alguns empregos normais da iniciativa privada… Estamos fodidos mesmo… Desculpe a expressão mas é #F A T O !! Haddad, Alckimim, Tatto, Kassab, Serra, Marta, Maluf… Só JESUS na nossa vida mesmo!! Continuo com vergonha do transporte publico da cidade de São Paulo! e as vezes até da Grande São Paulo… (Linhas municipais e intermunicipais de Guarulhos-SP…) Uma vergonha!

  11. Ewerton Santos Lourenço (Guarulhos) disse:

    Vcs se esqueceram a Vipol também pertence ao Grupo Ruas, Aqui em Guarulhos eles renovaram a frota porém, agora nós viajamos igual a sardinha enlatada. Onde se já viu uma cidade como a Guarulhos os Usuários viajarem socados dentro de um Micrão?!?!?!? Só o Grupo Ruas mesmo… Aqui em Guarulhos eles deveriam é colocar ônibus articulados e não os Kinder Ovos sobre rodas rsrsrsrs…..

  12. VICENTE disse:

    Adamo.
    Como será que vai ser a relação dos sariava/santa brigida com o Belarmino,dizem que os dois grupos não se batem.Será que BELARMINO não vai comprometer a area noroeste com seu atendimento ruim com faltas de partidas e um monte de bus ofs?Não acho legal monopolio mais a brigida deveria ficar com a area noroeste só dela.Presta um bom serviço com scanias 15 mts e vários carros traseiros volvos mb,e costuma colocar 20 onibus em cada linha,fora os extras.

  13. Pedro disse:

    As informações que tenho recebido referentes a zona leste são as de que a novo horizonte futuramente vai ficar so com a linhas dos bairros em direção ao futuro terminal Itaquera e de la outra empresa vai administrar os articulados sentido centro da cidade, provavelmente vão sair as linhas 3406, 3407, 3409 e a 4120 do centro da cidade redirecionadas ao novo terminal Itaquera, achei a ideia bastante interessante, vamos esperar.

  14. Rita Souza disse:

    Aqui na região leste eu nunca vi ônibus novos igual eu estou vendo da consorcio plus vip imperador tem ônibus até de 23 metros novos brts vamos esperar quem sabe um dia melhora

  15. LUCIANO disse:

    ACHO QUE TODOS DEVERIAM SABER QUE A MAFIA NUNCA VAI SAIR DE SP. Só OS CONSTANTINOS QUE SAIRAM DE SAO PAULO E RIO, FORA SALVADOR – BA , PARA DAR O GOLPE DE MAIS DE $450 MILHOES QUE FICARAM DEVENDO AOS TRABALHADORES E AO INSS E FGTS COMO FECHAMENTO DE MAIS 25 EMPRESAS PARA MONTAR A GOL LINHAS AEREAS COM O INVESTIMENTO INICIAL DE 1 BILHAO NA COMPRA DE AERONAVES.AGORA QUE ELES ESTAO COM A GOL ESTRUTURADA TAMBEM QUEREM VOLTAR A SAO PAULO COM A FORÇA TODA DO GRUPO COMPORTE.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alteração )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alteração )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alteração )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alteração )

Conectando a %s