BUSSCAR PREVÊ PRODUZIR 1,8 MIL ÔNIBUS EM 2012

Crise na Busscar

Ônibus da Busscar. Empresa apresentou plano de recuperação que será analiso pela Justiça. As dívidas da encarroçadora se aproximam de R$ 700 milhões. O ponto mais polêmico do plano é em relação aos descontos sobre os débitos propostos pela empresa que variam de 7% a 95%. Vários credores se desagradaram com as propostas, inclusive o Sindicato dos Mecânicos de Joinville, que representa os trabalhadores. Para iniciar os trabalhos em 2012, a Busscar precisa de R$ 100 milhões e admite novos investidores além de pedir a inclusão no programa de exportação de ônibus para a Guatemala. O faturamento projetado para este ano é de R$ 335,6 milhões com produção de 1,8 mil carrocerias. A Busscar só teria saldo a partir de 2014 e para 2016 prevê faturamento de R$ 1,1 bilhão e produção de 4,5 mil ônibus. Foto: Adamo Bazani

CASO BUSSCAR: Justiça analisa plano de recuperação
Encarroçadora propõe descontos que variam de 15% a 95% nos valores das dívidas. Após análise completa do juiz, os credores terão seis meses para realizarem assembléias e decidirem se aceitam propostas

ADAMO BAZANI – CBN

A Justiça em Joinville, Santa Catarina, começa a análise do plano de recuperação da Busscar, encarroçadora de ônibus em crise financeira desde 2008, que já atrasou 19 meses de salários e acumula dívidas gerais de cerca de R$ 700 milhões.
O ponto mais polêmico do plano de recuperação é o desconto proposto pela empresa da família Nielson sobre as dívidas.
Estes descontos variam entre 7% e 95%.
Os menores descontos serão sobre as dívidas dos trabalhadores que acumulam R$ 110 milhões. Funcionários das empresas do grupo, Tecnofibras e Climabuss, não terão descontos. Já os trabalhadores desligados com processo de execução finalizado terão, de acordo com a proposta, desconto de 37%. A carência para início de pagamento também varia de acordo com a situação do trabalhador na empresa, podendo chegar a seis meses.
Confira os descontos apresentados aos trabalhadores:

http://www.setpesc.org.br//prb12799981.pdf

Para os ex – sócios da empresa que têm a receber, os descontos sobre as dívidas podem chegar a 95%.
Já para os bancos, os maiores credores da Busscar, com débitos de pouco mais de R$ 300 milhões, o desconto proposto é de 60%, com exceção do BNDES – Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social -, entidade pública. A carência para o pagamento no caso dos bancos é de 48 meses, com 96 meses para a conclusão.
FATURAMENTO DE MAIS DE R$ 1 BILHÃO
O estudo para a elaboração do plano foi feito com a participação da consultoria Delotite.
Em 2012, a Busscar espera faturar R$ 335, 6 milhões e produzir 1 mil 800 unidades.
No entanto, para iniciar as produções, a empresa, que já chegou a empregar cerca de cinco mil pessoas, precisaria de R$ 100 milhões. O dinheiro viria com a participação de investidores novos e outras formas de financiamento.
Para a captação destes recursos, é levantada a possibilidade de venda da empresa Tecnofibras, que produz acessórios de plástico e fibra de vidro para caminhões e ônibus.
A empresa também quer a inclusão no programa de exportação de ônibus para a Guatemala, gerido pelo BNDES. O programa é de R$ 400 milhões e a Busscar quer a participação com financiamentos de R$ 130 milhões.
A venda de um terreno no valor de R$ 7 milhões em forma de leilão foi bloqueada na Justiça a pedido do Sindicato dos Mecânicos de Joinville.
A Busscar só ficaria com as contas positivas, ainda seguindo esta projeção, em 2014, quando poderá produzir o equivalente a um saldo de R$ 30,2 milhões, já descontados os pagamentos, custos de produção, salários, impostos e demais encargos
Em 2016, a empresa prevê um faturamento de R$ 1,1 bilhão com a produção de 4,5 mil ônibus.
Os descontos desagradaram vários credores.
“Estamos falando de pessoas que estão há dois anos sem salários, de pessoas que estão endividadas e que não vão conseguir desconto nas suas dívidas porque a Busscar não vai pagar o valor integral dos seus débitos” – disse o presidente do Sindicado dos Mecânicos de Joinville, João Bruggmann.
A partir da conclusão da análise do plano de recuperação pela Justiça, os credores podem fazer assembléias e discutirem a posição judicial. O prazo para isso é de 6 meses.
Adamo Bazani, jornalista da Rádio CBN, especializado em transportes.

About these ads
Esse post foi publicado em Notícia e marcado , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

10 respostas para BUSSCAR PREVÊ PRODUZIR 1,8 MIL ÔNIBUS EM 2012

  1. Na boa, minha única torcida neste caso é que os empregados sejam devidamente pagos. Se a Busscar voltar e não tiver pago os funcionários acho que será a maior sacanagem que eu já ví em toda minha vida.

  2. leonardo-pe disse:

    estamos torcendo pela volta da Busscar.mas,claro:q pague tudinho!

  3. Marcelo disse:

    Deus de ouça. Só isso que tenho a dizer. Depois de muito descrédito… enfim, uma possível saída. Será dificílimo que todos que PRECISAM receber, aceitem… mas se progredir… Ok, que volte a empresa, de forma séria, sem sacanagens. Quem não deseja isso???

  4. jurandir J. S. Silva disse:

    É sempre assim, a corda só quebra do lado mais fraco. Na hora de dividir lucros, nem pensar. Mas na hora de dividir prejuízos, aí chama os trabalhadores para acordo.
    A justiça tem de garantir os salários e os empregos dos trabalhadores.
    Jurandir – Ba

  5. wellington disse:

    eu gosto mto da busscar e claro dos bus conservados!o que mais gosto é do urbanuss pluss!piso baixo e ar.tomara que eles se “levantem”pq é uma boa empresa,e algumas pessoas que nao tem nada ver se prejudicar!

  6. jauri cardoso ribas disse:

    vamos ficar na torcida,vai busscar vc consegue

  7. Fernando disse:

    Enquanto continuar a mesma diretoria não vai resolver nada, a justiça esta sendo influenciada pelo coroneis da cidade (Joinville), em 60 anos de empresa nunca teve participação de lucro, ate mesmo no ano que ultrapassou a produção da Marcopolo.

  8. esposa de funcionário disse:

    assino embaixo a vc aí acima,FERNANDO no ke vc falou….é isto mesmo….

  9. FRANCISCO; gostaria muito que voltace com tudo, mas para isso eu queria que ela onrrace com os nossos pagamentos,porque quando estavamos trabalhando, creio que como eu tinha muitos que dava o maximo, muitas vezes deixei de ficar final de semana com minha familhia para ir trabalha nunca deixei á dezeja,e nem ao menos de onrra com o compromiso quando estava trabalhando.glaudio nilssom eu ti adimiro, mais no momento vc esta deixando a dezeja,gostaria que vc pensace um pouco que a busscar esta na cituação que esta, acupa eu tenho certeza que não foi dos funciónarios.

  10. Evandro roberto benitez disse:

    Bom dia
    Por mais que os fornecedores etc…..percao agora no futuro vao ganhar pois a busscar era a 2 maior do pais pode voltar a ser que entende de onibus sabe que o mercado esta aquecido e outra coisa a marcopolo com o g7 ja nao tem a mesma qualidade acho que isso e a falta de concorentes porque a comil cada lancamento anda mais para tras com seua modelos do seculo passado entao amigo vamos apoiar a busscar porque Deus é fiel.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s